Palmares de Rocha

Palmares de Rocha: único no mundo

Um dos grandes e mais famosos atrativos de Rocha é o seu agrupamento de palmeiras de butiá com uma extensão de 70.000 hectares. Os Palmares estão localizados em torno da cidade de Castillos, sobre o Camino de los Indios, em 18 de Julio e em parte dos Humedales del Este em direção ao limite com Brasil. Pertencem a Reserva de Biosfera de Banhados do Leste, declarada como tal em 1976 pela UNESCO. É um ecossistema composto por diversas espécies de plantas e animais, um autentico bosque que cresce em planícies, serras e zonas inundáveis. 

https://s3.amazonaws.com/turismorocha/atractivos/33/med/palmares-de-rocha-060244500-1457049417.jpg
Palmares de Rocha

O palmar é considerado como uma das principais paisagens representativas de Rocha. Está presente nos símbolos oficiais do departamento, na poesia e na música folclórica da região.  

A palmeira

A palmeira é uma espécie própria do Uruguai e Brasil. A variedade Butia odorata, se distingue das demais palmeiras pela cor verde-cinzenta de suas folhas e seu tronco mede entre 7 e 9 metros de altura e alcança os 60 cm de diâmetro. Cada palmeira está composta por 25 folhas de 2 a 3 metros de largura e chega a renovar-se 14 vezes por ano. As folhas tem um erre central chamado raquis e deste partem as folhas individuais chamadas pinnas. A palmeira butiá não corre risco de extinção, mas sim o palmar, hoje composto em sua maioria por palmeiras que tem entre 200 e 300 anos. 

Atardecer en el palmar
Pôr do sol em Palmares de Rocha

Seu fruto: o butiá

Butiá, fruto de la palmera
Seu fruto: o butiá

O fruto desta palmeira, o butiá, é de cor amarelo-alaranjado, e de sabor agridoce. Licores, doces, marmeladas, geleias e molhos são elaborados com a sabedoria artesanal da terra dos palmares. A floração começa geralmente em janeiro, embora as plantas mais velhas não floreçam todos os anos. O butiá madura na primeira quinzena de abril. Cada produto contem os melhores sabores que crescem no leste do país e as tradições locais transmitidas por gerações de famílias. Ninguém que visite Rocha deveria deixar de provar seu licor de butiá, um produto único no Uruguai. 

Café e mel

As sementes, moídas e tostadas, são utilizadas para elaborar café de coco que se toma como infusão, mesclado com leite, outros preferem agregá-las ao mate. São ricas em azeite de alto conteúdo calórico. Além disso, o mel que produzem as abelhas na área do palmar está baseado fundamentalmente no polen do butiá, o que lhe confere uma cor âmbar claro e uma alta qualidade. 

Qual é a origem dos Palmares de Rocha?

Há muitas fantasias a respeito da origem dos Palmares de Rocha. Alguns creem que os índios que peregrinavam, em seu caminho iam deixando sementes ou caroços de butiá, yatay e outras plantas desse tipo. Outros associam este ecossistema às migrações de pássaros que traziam as sementes e as iam regando em diferentes áreas. Sem dúvida, existiu um traslado por parte dos seres humanos e animais que utilizavam as palmeiras em sua dieta, mas o mesmo se realizou a partir de palmeiras cujo a área natural de ocorrência na terra já era esta. 
 



Disfruta de Palmares de Rocha

Ano inteiro Marianna Aventuras, passeios personalizados em Rocha
Ano inteiro Senderos Tours, visitas guiadas ao redor de Rocha, Uruguai
Passeios

Palmares de Rocha: foto ganadora concurso en Instagram
Palmares de Rocha: foto ganadora concurso en Instagram

Mais sobre Palmares de Rocha