A pesca esportiva é uma atividade que pode ser praticada em qualquer momento do ano e em diversos lugares do estado de Rocha. A pesca, tanto de água salgada, como de água doce, pode ser realizada embarcando desde a costa. O pescador pode escolher entre o mar, os rios, lagoas, riachos e os mais simples vales e canais; ambientes realçados pelo atrativo dos pesqueiros naturais e a abundância de peixes (como a corvina branca, o pejerrey, bagre, o camarão; as grandes corvinas negras, com pesos superiores aos 10 kilos).

Onde pescar em Rocha?

Dentro dos pesqueiros oceanicos se destacam a barra da Laguna Garzon, o balneário Las Garzas, o Cabo de Santa María, onde, se a água esta turva, se aproximam da costa abróteas e congros. A passagem de abrigo, em frente ao cais de atraque de La Paloma, oferece a possibilidade de embarcar para pescar. Em La Pedrera, encontramos um pesqueiro rochoso, de muito fácil acesso que oferece excelentes possibilidades para a pesca do sargo, o pejerrey e a corvina.

Também Santa Teresa, Cabo Polonio, Barra de Valizas e Punta del Diablo, balneário que se caracteriza pela quantidade de pescadores que dedicam sua vida a pesca artesanal. 

A maioria dos estabelecimentos agropecuários oferecem a possibilidade de pescar em seus rios, riachos ou lagoas, onde podem ser obtidos exemplares de brótolas, pejerreyes, enguias, bagres e outras tantas espécies.

Variedades

As principais espécies capturadas são pescada, corvina branca, abrótea, tubarão e cação, com o que se elabora o bacalhau criollo; os pescadores usam trasmallos (pequenas redes) o palangres (corda com anzóis) para capturar suas presas. A pesca em águas atlânticas se agrega a extração de mariscos (principalmente lagostas e camarões).